Archive for junho, 2010

Criando campanhas e aprendendo a rastrear elas com o Google Analytics

junho 16th, 2010

Poucos sabem como usar o Google Analytics por completo, ou seja, usar todos os recursos que eles disponibilizam.

Existe uma maneira fácil de criar campanhas e acompanhar como está o uso delas no seu site, e também depois disso criar relatórios e metas para gerenciar os acessos e mensurar a audiência das campanhas, que são links em banners, emails, redes sociais, dentre outros.

No Google Analytics existe um relatório chamado “Campaigns“, ou em portugês “Capanhas”. Isso está localizado dentro da parte de “Traffic Sources” ou também em portugês “Fontes de tráfego”.

(mais…)

Como usar o Google Alerts para verificar a indexação do seu site de forma rápida e fácil

junho 4th, 2010

A melhor parte de começar falando sobre este assunto, é que a ferramenta é gratuita (e Beta até este momento)!

Existem várias ferramentas que fazem o que esta ferramenta faz. Você pode até construir uma ferramenta como esta. Alguns sites como Scout Labs e Trackur fazem este trabalho de forma paga, e são produtos muito bons. Como dizia atlasws em seu post publicado no SEOmozBlog,  em alguns casos, estes produtos pagos são como dirigir uma Ferrari para ir ao supermercado pegar um litro de leite: é apenas um exagero e muita energia gasta para o trabalho. Às vezes você só precisa de uma solução rápida, fácil para a tarefa.

Esta maravilhosa ferramenta do Google, que poucos conhecem, e ajuda muito não só a nós que trabalhamos e estudamos SEO, mas para qualquer pessoa, inclusive para o gerente de uma empresa, que nem conheçe o que é HTML, mas gostaria de ficar de olho a cada nova página que o Google indexa em suas buscas.

Usando as descrições que existem na própria página da ferramenta, dizemos o que é o Google Alerts:

Os Alertas do Google são atualizações por e-mail, Feed,  sobre os resultados relevantes mais recentes do Google (web, notícias, etc.) com base nos termos ou tópicos que você definir.

Use os Alertas do Google para:

  • Acompanhar a evolução de um tópico atual
  • Monitorar um concorrente ou setor
  • Manter-se em dia com as últimas notícias sobre uma celebridade ou um evento
  • Acompanhar seus times favoritos

E muito mais, de acordo com a sua necessidade.

Existem algumas maneiras inteligentes que você pode começar Alertas do Google para trabalhar para você. Vou explicar como:

Acessando o site do Google Alerts, você verá um formulário como este acima.

O que colocar em cada campo?

Termos de pesquisa: Neste campo você coloca as palavras chaves, como se fosse uma pesquisa no Google. Isso será o seu filtro para os alertas. No caso do assunto que estou publicando no post, usando a palavra “site:” na frente do endereço do meu site, estou limitando a pesquisa a qualquer assunto em que o resultado cite o meu site.

Tipo: Como o algoritmo do Google já tem uma certa inteligência, ele sabe distinguir o que é cada conteúdo. Aqui você pode filtrar, entre “Tudo”, que como a palavra já diz, é tudo, todo o assunto possível; “Notícias”,  ”Blogs”, “Discussões”. Recomendo deixar selecionado a palavra “Tudo”.

Frequência: Neste ponto, a escolha depende mais do que você escolher no campo de “Enviar para” que é o ultimo do formulário. Se você quer receber por email os alertas, e seu site é muito citado, ou seja,  pode ocorrer de seu alerta ser enviado muitas vezes, e sua caixa de entrada começar a encher. Aqui realmente depende do assunto Quantidade X como receber. Você deve analisar qual a melhor forma que deseja ser avisado pelo Google. Se por e-mail, recomendo uma vez por dia.

Tamanho do e-mail: Aqui é a quantidade de resultados que pode conter em cada alerta que você recebe.

Enviar para: Aqui é a escolha entre enviar por e-mail os alertas, ou se você conhece e usa um leitor de Feeds ou o Google Reader, você pode utilizar a versão “Feed”, mas para isso você precisa ter uma conta do Google (basta você se cadastrar com seu e-mail pessoal que também funciona) daí você terá acesso ao link do Feed. Caso contrário pode ser a opção e-mail.

Fonte: google.com/alerts + seomoz.org

PhpMyAdmin portable? Alternativas web para administração de MySQL database

junho 2nd, 2010

Acho que muita gente já passou por este mesmo problema:

Você compra uma hospedagem, mas o PhpMyAdmin só tem acesso pelo painel de controle usando seu login de Administrador. O que fazer para liberar para mais pessoas acessarem sem precisar passar sua senha de Admin, e o servidor não libera acesso para outro host que não seja o Localhost ???

Existem outros fatores que nos fazem procurar alternativas de acesso e administração as base de dados que não seja acessando o PhpMyAdmin do servidor. Esta semana tive problemas com uma hospedagem e procurando na internet, achei várias formas de contornar este problema.

Vou ensinar como:

(mais…)

Get Adobe Flash playerPlugin by wpburn.com wordpress themes